quarta-feira, 20 de maio de 2009

"Caleidos" de Nádia Polimeni

Texto e foto: Mari Chiba

Essa é Nádia Polimeni, uma argentina que, em tempos de crise econômica e política, nos primeiros anos desta década, saiu do país de origem para andar mundo afora. Colocou a mochila nas costas e, de cidade em cidade, chegou em Jericoacara, no Ceará - reduto de outros “malucos” como ela -, e por lá ficou.

Em "Jeri", quase tudo parece ser imbuído, impregnado de muita leveza. Com Nadia também é assim. Trocou a andança, carregando brincos, colares, e quadros, por uma loja própria, a Caleidos, referência às imagens de caleidoscópios.

O espaço funciona também como ateliê para produção das peças, feitas quase todas de madeira e sementes. Tudo pintado à mão. A simpatia e a hospitalidade ultrapassam a característica de quem quer vender. O astral de Nadia é absorvido em seu trabalho. Um pinico vira facilmente uma luminária: simples, colorida, e bonita.

2 comentários:

Buguela e o Sonho Feio disse...

nem tem como comprar essas coisas pela internet, tem?

tá aqui o meu email: andressa.didi@gmail.com

linda foto! =*

Cadicoisa disse...

Andressa,

Temos o email da Nádia, vou enviá-lo para você. O contato com ela é difícil. Acho que ela quase não acessa a internet (acho que eu também deixaria a internet de lado em Jeri), mas não custa nada tentar.

obrigada pelo comentário!

beijos,

Mari Chiba